Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

Je t´aime (tradução

 

Porque, para além de uma melodia e voz fantástica, tem uma letra tocante. Traduzi para quem quiser apreciar.

Peço desculpa se alguma falha contém a tradução, mas fiz o que pode.

Eu te amo

Concordo, haviam outras formas de se acabar.
Alguns vidros quebrados poderiam ter-nos ajudado. 
Neste silêncio amargo, eu decidi perdoar
os erros que podem ser cometidos também por amor.
Concordo, a menina em mim muitas vezes reclamava
quase como uma mãe
guarda-me, protege-me.
Se te não tenho roubado o sangue nada teríamos compartilhado.
No final das palavras, sonhos, eu vou gritar
Eu te amo, eu te amo
como um louco, como um soldado
como uma estrela de cinema.
Eu te amo, eu te amo
como um lobo, como um rei
como o homem que eu não tenho.
Vê como eu te amo assim.
Concordo, eu não te confiei todos os meus sorrisos
todos os meus segredos
mesmo aqueles que só o meu único irmão era o guardião. Não reconheci.
Nesta casa de pedra
satanás observa-nos a dançar.
Eu queria tanto que a guerra dos corpos fizesse as pazes.
Eu te amo, eu te amo
como um louco, como um soldado
como uma estrela de cinema.
Eu te amo, eu te amo
como um lobo, como um rei
como o homem que eu não tenho.
Vê como eu te amo assim…

Lara Fabian