Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

Cantiga d´amigo (Medieval)

 

Composição musical e voz de PEDRO BARROSO

 

Sedia la fremosa seu sirgo torcendo,
sa voz manselĩa fremoso dizendo
       cantigas d'amigo.
 
Sedia la fremosa seu sirgo lavrando,
sa voz manselinha fremoso cantando
       cantigas d'amigo.
 
- Par Deus de cruz, dona, sei eu que havedes
amor mui coitado, que tam bem dizedes
       cantigas d'amigo.
 
Par Deus de cruz, dona, sei [eu] que andades
d'amor mui coitada, que tam bem cantades
       cantigas d'amigo.
 
- Avuitor comestes, que adevinhades!

 

Ouça aqui...

 

http://www.cantigas.fcsh.unl.pt/versaomusical.asp?cdvm=99

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.