Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

NATAL ANTIGO

 

Do natal antigo
que o tempo deixa em desuso 
sinto o cheiro do musgo
levantado nas pedras no monte
para o chão do presépio
feito ao esmero da emoção de criança;
das figurinhas em barro colorido e tosco
da vendedeira de Barcelos
na última feira de novembro.
Do natal
que o tempo modernizou
sei, apenas
que mil prendas se repartem
e outras mil
mesmo que menores
seriam precisas
para um natal
que se deveria querer de todos…