Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

HORA DO SONO

 

Entrei de soslaio
pela porta entreaberta
no teu peito
e aconcheguei-me
agachado no teu coração
quando ele ao sono palpitava...
E vi, depois
quando acordada
quereres a mesma porta
aberta de par em par
para que eu fique 
querendo
aprisionado lá dentro



Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.