Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

REPOUSO

 

 

Deixa-me pousar
em teu colo
e adormecer ao pulsar
do teu coração.
Deixa-me
solto...
pela praia branca
que te achei no peito.

 

 

PEITO DE RENDA

 

 

Meu amor, quando te olhei

Rendas brancas no horizonte...

Como se ondas do mar

Quis no peito mergulhar

E chegar depois à fonte.

 

E depois, chegado à fonte

Quis beber, beber, beber…

P´ra matar a minha sede

De tanto, tanto te querer!

 

 

BEIJO BOCA.jpg

 

 

 

MOMENTOS

 

 

"O poeta estava só. Era o último homem do sentir e do saber, porque os cinzentos tinham invadido a cripta do conhecimento e haviam selado a porta..."

 

 

 

eu preto e branco.jpg

 

 

 

Pág. 2/2