Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

Foi demais, poeta!

 

(À pérola do oceano - Funchal-Madeira-Portugal)

Hoje, poeta
as ribeiras choraram demais
desceram depressa demais
acordaram demais as fontes
galgaram demais as margens
trouxeram pedras demais
e feriram demais a cidade
E toda a ilha está triste demais!
Caramba, poeta
desta vez
foram demais as águas!...

 

    (a minha solidariedade)