Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

Água minha

 

Se rio brando que desces
pedra a pedra, em serpentina
serei represa nas margens
que te afaga e não te prende
que te toca e não encolhe
até que o mar te possua
sabendo ser de água minha!
E a sede há-se calar-se
se do céu se fizer chuva!...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.