Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

BRINDE DE ESPUMA

 

Quero ter-te e possuir-te ardentemente,

até o tronco em chama rasgar ao penetrar-te.

E se a flor em brasa não arrefecer,

te amarei loucamente até desfalecer…

 

E depois do desejo saciado,

nossos corpos se unirão num aconchego

e no morno leito que encharcarmos,

brindamos à espuma que vertermos.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.