Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

ÍNTIMO

 

Quebrei no teu peito
um glaciar de silêncio.
Poisei-me na noite
e fiquei no teu colo
à espera, a querer saber de mim...
Falei-te intimamente
soletrando cada palavra 
rasgada à garganta
de coisas minhas, sérias
enormidades do coração.
Falei-te de tantas coisas 
que nunca ousara...
Abri o livro na página que interrompera
quando um dia, ao fechar dos olhos
acomodado num peito morno
me deixei adormecer...

 

 

 

2 comentários

Comentar post