Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

POEMAS E RECADOS

poemas e textos editados e inéditos de JOÃO LUÍS DIAS

MILAGRE

 

Olhei-O nos olhos

e molhei os meus olhos nos Dele.

Dobrei-me a seus pés

e de voz embargada falei-lhe baixinho

do sorriso triste dum anjo

a precisar ser colorido de Graças, de luz…

E o Santo sabia de quem eu lhe falava;

sabia, muito mais do que eu

que aquele sorriso triste teria de voltar a ser

o mais lindo e radioso sorriso de todos os sorrisos.

E num instante, no estender do olhar

coloriu o sorriso do anjo triste

que, tal como meu, também  era seu anjo…